terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Fortaleza parece a Palestina, diz João Alfredo

Embora distantes geograficamente, Fortaleza e Palestina, segundo o vereador João Alfredo (PSOL), partilham uma característica comum: o alto número de homicídios. Citando matéria publicada nesta segunda-feira (14) em um jornal de Fortaleza, ele demonstrou indignação com a escalada dos assassinatos na cidade.

De janeiro a novembro, foram registrados 1.292 homicídios na Região Metropolitana. Fortaleza responde por 921. Comparando com o mesmo período do ano passado, segundo a matéria, houve aumento de quase 40%.“Há uma verdadeira guerra civil não declarada em Fortaleza, em que a juventude pobre é a mais atingida.” João Alfredo lançou apelo para que o Poder Público se mobilize para modificar essa realidade. “A situação deveria merecer uma ação de mobilização tão grande quanto as da Copa de 2014.” (CMF).

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada
Todos os direitos reservados