sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Bancários do Ceará ameaçam nova greve

O Sindicato dos Bancários do Estado do Ceará informou no início da manhã desta sexta-feira que podem entrar em greve, caso as negociações salariais não avancem. Segundo o sindicato, a proposta feita pelos banqueiros não tem aumento real e a PLR é menor que a do ano passado.

A proposta global que os banqueiros apresentaram na rodada de negociação desta quinta-feira (17) aos bancários, não agradou a categoria. Os bancários entregaram a pauta de reivindicação no último dia 10 de agosto, solicitando aumento real de salários, PLR maior, valorização dos pisos e respeito aos empregos.

Em comunicado enviado à imprensa o presidente do Sindicato, Carlos Eduardo Bezerra, disse que “Pelo sexto ano seguido os banqueiros estão forçando os trabalhadores a fazerem greve”. Ainda de acordo com o comunicado, os bancários do Ceará farão assembléia nos próximos dias para convocar a greve por tempo indeterminado.

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada
Todos os direitos reservados